Diante das manifestações populares vivenciadas nas últimas semanas, representando legítimos interesses do povo brasileiro, o Conselho regional de Medicina de Rondônia registra seu apoio ao tão efusivo exercício de cidadania retratado neste movimento que ganha proporções e repercussões que extravasam, inclusive, as fronteiras nacionais e que cobra das autoridades, dentre outras tantas necessidades, uma melhora efetiva da saúde brasileira.

     “As manifestações demonstra a indignação de uma sociedade que cansou de ser maltratada, jogada em corredores de hospitais sem condições dignas de atendimento”, ressalta a presidente do Cremero.

     De acordo com a presidente do Cremero, médica Maria do Carmo Wanssa, “o compromisso das entidades médicas com a sociedade rondoniense e brasileira, nos leva ao rechaçar medidas paliativas e falaciosas do Governo Federal que pretende a absurda contratação de médicos estrangeiros quando o problema da saúde está relacionado à ausência de recursos, de investimentos na atenção primária, de uma carreira de estado forte para os médicos, enfim de condições de exercício digno da profissão, mas não na ausência ou insuficiência de profissionais”.

     Para a diretoria do Cremero e seus conselheiros, os movimentos em questão são fruto da insatisfação popular com a forma que este País vem sendo conduzido, donde os temas mais importantes parecem só constar da agenda política dos governantes quando já assumem uma situação de insustentabilidade tal que apenas medidas imediatistas e sem uma perspectiva para o futuro são realizadas em detrimento de um projeto de governo que contemple, inclusive, o progresso para as futuras gerações.

     Assim, por também ser um manifesto da saúde brasileira, o Conselho regional de Medicina de Rondônia, enquanto órgão fiscalizador da saúde e do exercício profissional, não poderia deixar de emprestar sua assinatura para validar as reivindicações, desde que, é claro, sejam exercidas dentro da ordem, da legalidade, do respeito às instituições públicas, e, ao patrimônio privado, condenando toda forma de violência, vandalismo e desordem.

 

Assessoria de Imprensa Cremero

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.